História dos relógios

//História dos relógios

História dos relógios

Não é de hoje que os relógios fazem parte da vida das pessoas. Utilizado como medidor de tempo desde a Antiguidade, eles foram se desenvolvendo em diferentes formatos e tornaram-se essenciais no dia a dia.

Ele atende de forma precisa e consistente a necessidade de medir intervalos de tempo reduzidos, menores do que as unidades de tempo naturais, como o dia, os meses e os anos.

Os primeiros a serem criados foram os relógios de sol e imagina-se que os gnômons foram os criadores dessa versão inicial.

Com o passar do tempo outros modelos foram surgindo, como os Relógios de Água (Clepsidras) e os Relógios de Areia (Ampulhetas), ambos na Judéia, por volta de 600 a.C.

 

O relógio mecânico

 

Existem duas versões a respeito do surgimento do relógio mecânico:

 

– Uma corrente afirma que o primeiro a construir um relógio mecânico foi Gerbert, um monge francês que, posteriormente, se tornaria o Papa Silvestre II.

 

– Já outros afirmam que os pioneiros nessa versão dos relógios foram Ricardo de Walinfard, Santiago de Dindis e João de Dondis.

 

E foi com o surgimento dos relógios mecânicos que houve um grande crescimento e uma maior variedade das técnicas de registro de tempo, como os relógios de pêndulo, de quartzo ou os cronômetros.

 

Vários tipos e cada vez mais precisão na marcação do tempo

 

1 – Relógio de Sol

A marcação do tempo estava relacionada com a posição da sombra durante o dia. Ele analisa a sombra de um objeto projetada no chão. Sua criação foi baseada na descoberta do homem de que o nascer do Sol acontece em intervalos de tempos regulares.

 

2 – Relógio de Água

É feito um furo num recipiente de água. Depois é calculado o tempo para encher o recipiente e esse tempo passa a ser uma referência. Com isso, se um evento demorou o tempo equivalente à metade do recipiente, esse evento foi metade do valor tomado como referência.

 

3 – Ampulheta

É também conhecido como Relógio de Areia. A passagem de uma quantidade de areia de um dos recipientes para outro cria um tempo de referência e todos os eventos são medidos tomando-se por base esse valor.

 

4 – Relógio de Bolso

O primeiro relógio de bolso ficou conhecido como Ovo de Nuremberg por causa do seu formato. Era de ferro, com corda para quarenta horas e possuía um indicador e um mecanismo feito para badalar.

 

5 – Relógio de Pêndulo

Galileu descobriu a precisão através do pêndulo. E, com isso, foram construídos os relógios de pêndulo, acionados por meio de pesos ou molas.

 

6 – Relógio de Pulso

Inventado pela empresa Patek Philippe. Apesar de ser dado a Santos Dumont a paternidade do invento, na verdade, coube a ele a popularização do Relógio de Pulso entre homens.

 

7 – Relógio de Quartzo

Marcou a indústria de relógios do século XX. Essa invenção tornou os relógios ainda mais precisos.

 

8 – Relógio Digital

A hora é controlada por meios eletrônicos. Utiliza cristal piezoelétrico, que gera pulsos elétricos a uma frequência constante.

 

9 – Relógio Atômico

Realiza medições de tempo com até 100 mil vezes mais precisão do que os dispositivos convencionais.

 

E após anos de aperfeiçoamentos e do uso da tecnologia, os relógios famosos da atualidade se destacam por unir qualidade e sofisticação em um mesmo produto e adquirindo assim milhares de admiradores.

By | 2015-07-06T16:34:08+00:00 |Curiosidades|0 Comentários

Sobre o Autor:

Deixar Um Comentário